domingo, 9 de março de 2014

de "Ordálio" - 5

Por sobre a argamassa do caos
a mão detém-se

Com uma suavidade
milenar acaricia
a matéria informe

De súbito
um gesto
um simples recorte
de uma luminosidade
extrema

Da amálgama primeira
uma forma surge
nada e inacabada
finita e infinita
coisa criada e criadora

Espaço e tempo
o cosmos

in "Ordálio" (e-book, Virtualbooks, Brasil, 2004)
Enviar um comentário