segunda-feira, 13 de outubro de 2014

de "Monte Maior sobre o Mondego" - 12


Segunda Faixa Ondada - O SEM NOME

Não contaram minha história.

Não houve rima
ou tempo
ou pena
ou tinta.

Trouxe nas mãos o ofício dos ventos,
da madeira navegante.

O pouco que era meu,
comigo foi.

Fui gente,
somente,
mas zarpei.

in "Monte Maior sobre o Mondego" (e-book, ArcosOnline, Arcos de Valdevez, Portugal, 2006; Temas Originais, Coimbra, Portugal, 2010) - Menção Honrosa (Poesia) no Prémio Literário Afonso Duarte - 2004. 
Enviar um comentário