quarta-feira, 8 de outubro de 2014

de "Monte Maior sobre o Mondego" - 7


Quina de Portugal - ANTÓNIO CORREIA DA FONSECA ANDRADE

De onde vem este rio imenso
onde meus olhos se descobrem?

Que asas de ouro
o fazem voar ao poente?

Que fogo é este
que lhe adoça a face?

De onde vem?
Por que águas?
Por que sal?

Indago a semente
deste fruto,
desta flor
qual nascente deste rio.

in "Monte Maior sobre o Mondego" (e-book, ArcosOnline, Arcos de Valdevez, Portugal, 2006; Temas Originais, Coimbra, Portugal, 2010) - Menção Honrosa (Poesia) no Prémio Literário Afonso Duarte - 2004. 

Enviar um comentário